15/04/2013

Saia da Prisão e Viva pela Graça


- o que é Graça?

Graça, no hebraico, é “chen”. Significa curvar-se, abaixar-se, com a conotação de favor imerecido ou a condescendência de um ser superior por alguém inferior em valor e posição.
Efésios 2:8-10 “porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.”
A GRAÇA É UM DOM GRATUITO QUE DEUS NOS DEU, É O SEU FAVOR, O SEU PERDÃO.
VOCÊ NÃO PODE TER PAZ SE NÃO ENTENDER A GRAÇA
Romanos 7:14-25 UM EXEMPLO ONDE PAULO PASSAVA PELAS MESMAS COISAS QUE NÓS, MAS, SABIA TAMBÉM QUE A GRAÇA DE DEUS O ACOMPANHAVA APESAR DE TUDO O QUE PASSAVA.

 Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço. E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. De maneira que agora já não sou eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim. Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; e com efeito o querer está em mim, mas não consigo realizar o bem. Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço. Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim. Acho então esta lei em mim, que, quando quero fazer o bem, o mal está comigo.
Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus; mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros. Miserável homem que eu sou! Quem me livrará do corpo desta morte? Dou graças a Deus por Jesus Cristo nosso Senhor. Assim que eu mesmo com o entendimento sirvo à lei de deus, mas com a carne à lei do pecado.
Prá cada dia Deus já reservou a sua porção de graça, aleluia.
Romanos 3:23-24 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; sendo justificados (no dicionário diz “provar a sua inocência”) gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em cristo Jesus.
Romanos 5:1, diz: “Justificados, pois, mediante a fé, temos paz com Deus por meio de nosso Senhor Jesus Cristo;”



O DESEMPENHO NOSSO DE CADA DIA
A graça é um dom que Deus deu. Esse dom não depende do seu esforço, ele está disponível o tempo todo. É algo que você não espera.
Você pode dizer....Um dia Deus ama, no outro Deus não ama, um dia eu tenho o Espírito Santo, no outro dia ele sai, um dia eu tenho que passar pelas águas, me arrepender de novo, aceitar Jesus, tirar demônio. Não há paz na lei, não há firmeza de vida. Por isso, é que Romanos 5:8 diz: “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores.”
Eu não tenho que viver na obra de Deus tentando chamar a atenção de Deus como se eu fosse um bastardo. Eu não sou um bastardo, eu sou filho, e como filho, eu sou herdeiro, e como herdeiro, eu sou abençoado com o crente Abraão. No Versículo 9, ele continua: “Logo, muito mais agora, sendo justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira.”
RM16;14 “Porque o pecado não terá domínio sobre vós; pois não estais debaixo da lei, e sim da graça.” Não estamos debaixo da condenação. Na lei a pessoa vive debaixo de um peso, uma cobrança intensa que acaba tirando a sua paz.
Exemplos e obstáculos que nos impedem de usufruir deste dom de Deus.
1-            Um (a) filho (a) que a mãe nunca se sentia satisfeita com as coisas que vc fazia. Sempre colocava defeitos. Esse (a) filho (a), será um adulto inseguro e inconstante. Estará sempre precisando de reconhecimento e aprovação dos outros.
2-            Um (a) filho (a) que os pais não conversam com eles, não tocam em seus filhos, não abraçam, também poderão ser inseguros, estarão sempre necessitando serem supridos e no decorrer da sua vida como não consegue discernir a origem do seu problema, ele pode procurar nos vícios, em coisas materiais, e procurará sempre uma pessoa para ser sua bengala.
3-            A mãe insegura, que não tem confiança no filho desde pequeno, não deixa ele sair, não deixa tomar decisões porque tem medo que ele faça alguma besteira.
Comportamentos limitadores impedem que usufruamos da graça de Deus.vejamos aqui exemplos do que pode nos impedir de descansarmos em Deus:

·         não por força nem por violência, mas pelo meu espírito”, diz o Senhor dos exércitos (Zacarias 4.6)  
EXEMPLO DOS AMIGOS DE JÓ
Bildade fala da sorte do perverso e nega que o homem possa justificar-se diante de Deus. Jó lamentava dizendo não ver a justiça de Deus, Elifaz acusa Jó de grandes pecados.
CADA UM TINHA SUA PERCEPÇÃO SOBRE A SITUAÇÃO DE JÓ
Em Jô 33;14 diz: Deus fala de um modo, sim, dois modos, mas o homem não atenta para isso. Isso explica que cada pessoa tem a sua percepção, o modo de ver as coisas. E são inúmeras coisas que influenciam no nosso modo de interpretá-las.
.......
OUTRO EXEMPLO BÍBLICO
Exemplo bíblico
O centurião e a mulher cananéia Mt 15;21-28
O centurião – era um soldado, sabia bem o que era autoridade. A mulher – dona de casa. Ambos eram gentios.Não estavam cientes da lei, mas, eram cientes de Jesus. Para eles isso foi o bastante para crer. Dois exemplos de grande fé citadas por Jesus.  (Pr Joseph Prince).
..........................
GRAÇA NÃO DEPENDE DO SEU DESEMPENHO. ELA SIMPLESMENTE EXISTE, É COMO ESTAR SEMPRE DIANTE DE UM BANQUETE ONDE PODEMOS NOS SERVIR. EM QUALQUER TEMPO.
Se o SENHOR não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o SENHOR não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela. Inútil vos será levantar de madrugada, repousar tarde, comer o pão de dores, pois assim dá ele aos seus amados o sono. Salmos 127:1-2
O Senhor peleja por nós até quando estamos dormindo. Ele disse que a sua graça nos basta.

Só a graça de Deus pode nos mudar.
...........................................
UMA HISTÓRIA VERDADEIRA
Alguns anos atrás, numa igreja na Inglaterra, o pastor notou um ex-assaltante se ajoelhando para receber a ceia do senhor ao lado de um juiz da suprema corte da Inglaterra. O juiz era o mesmo que, anos antes, havia condenado o assaltante a sete anos na prisão.
Após o culto, enquanto o juiz e o pastor caminhavam juntos, o juiz perguntou, “você viu quem estava ajoelhado ao meu lado durante a ceia?”
“sim”, respondeu o pastor, “mas eu não sabia que você havia notado”. Os dois homens caminharam em silêncio por alguns momentos. Daí o juiz disse, “que milagre da graça!” O pastor concordou. “sim, que milagre maravilhoso da graça”. Daí o juiz perguntou, “mas você se refere a quem?” O pastor respondeu “é claro, à conversão do assaltante.” O juiz falou “mas eu não estava pensando nele. Estava pensando em mim mesmo.” “como assim?” Indagou o pastor.
O juiz respondeu, “o assaltante sabia o quanto ele precisava de cristo para salvá-lo dos seus pecados. Mas, olhe para mim. Eu fui ensinado desde a infância a ser um cavalheiro, a cumprir a minha palavra, fazer minha orações, ir à igreja. Eu passei por oxford, recebi meu diploma, fui advogado e eventualmente tornei-me juiz. Pastor, nada, a não ser a graça de Deus, podia ter me levado a admitir que eu era um pecador igual àquele assaltante. Levou muito mais graça para me perdoar por meu orgulho, minha confiança em mim mesmo, para me levar a reconhecer que não sou melhor aos olhos de Deus do que aquele assaltante que eu mandei à prisão.”
- steven j. Cole, not the healthy but the sick world (march 1, 1997).
CONCLUSÃO
Muitos de nós não estamos desfrutando da vida porque não estamos fazendo a vontade de Deus E NÃO NOS DAMOS CONTA QUE O JUGO DE JESUS É SUAVE E O SEU FARDO É LEVE.
O LEGALISTA PROCURA SER PERFEITO E O QUE VIVE PELA GRAÇA SE PERMITE SER APERFEIÇOADO.
PODEMOS ESCOLHER O FARDO QUE QUEREMOS CARREGAR NA TRAJETÓRIA DA NOSSA VIDA.
"VOCÊ PODE SER O IMPROVÁVEL, O INCOMUM QUE DEUS QUER USAR. O FRACASSO NÃO É DETERMINANTE NA VIDA DE UMA PESSOA SE ELA SE PROPÕE A CONHECER NOVOS CAMINHOS." 
Pra Lúcia Pandolfo

Nenhum comentário:

Postar um comentário